Novas Estratégias de Dados para um Marketing mais Efetivo

Fortalecimento de uma Marca | Pivô Brands Curitiba
Fortalecimento de uma Marca com o Processo de Branding
24 de Janeiro de 2018
Algoritmo do Instagram: Entenda como ele funciona
2 de Fevereiro de 2018
Estratégias de Dados - Pivô Brands | Curitiba

Profissionais de marketing coletam e falam sobre estratégias de dados há décadas.

Mas, nos últimos anos, o volume e a variedade de informações explodiram e os dados estão por toda parte. O problema é que muitas marcas não estão conseguindo acompanhar essa evolução.

Ao mesmo tempo, as expectativas do público ficam cada vez maiores. Hoje, as pessoas esperam que as marcas ofereçam experiências profundamente relevantes em todos os micro-momentos de sua jornada de consumo.

A soma desses dois fatores criou uma nova urgência: as marcas não podem mais se dar ao luxo de negligenciar as estratégias de dados.

Se fizerem isso, no mínimo afastarão os consumidores mais impacientes – pessoas que tiveram experiências negativas com uma marca no mobile estão 62% menos inclinadas a comprar dela no futuro. E, no pior dos mundos, perderão a corrida pela sobrevivência em um mercado em constante transformação.

As marcas não podem mais se dar ao luxo de negligenciar as estratégias de dados.

Estratégias de Dados - Pivô Brands | Curitiba

Antes de usar seus dados, é preciso conhecê-los bem. “Acreditamos que os dados são nosso petróleo, nosso ouro”, disse Rob Roy, chief digital officer na Sprint. “Mas de que servem milhares de terabytes de dados se eles não forem acionáveis?

É aí que entra a necessidade de desenvolver uma estratégia forte de analytics.

Alguns líderes já estão usando novos modelos de planejamento do sucesso para reunir e gerenciar os dados corretos, capacitar suas equipes a acessar e analisar essas informações e garantir que as tecnologias adequadas estejam integradas para colocar ideias em prática.

Respeite os dados

O respeito pelos dados é marca registrada do comportamento dos líderes na área de marketing. Dentre os executivos que bateram suas metas no ano passado (2017), 56% estão mais inclinados a concordar plenamente que decisões baseadas em dados são melhores do que aquelas movidas apenas por intuição e experiência.

Desenvolva suas próprias estratégias de dados

Como desenvolver estratégias de dados específicas para o seu negócio? Tenha em mente que esse é um processo evolutivo e não uma arrancada em direção à linha de chegada.

Criar uma estratégia de dados personalizada é uma corrida de longa distância com muitos obstáculos técnicos e humanos no caminho. Mas as empresas que começaram a investir em estratégias robustas e em infraestrutura proprietária sabem que estão na disputa pelo primeiro lugar no pódio.

Confira, a seguir, algumas dicas para completar esse processo com sucesso.

Prepare-se para os obstáculos humanos

Ao se preparar para treinar sua equipe em análise de dados, é bem provável que você siga o caminho natural: vai organizar as aulas, publicar documentos e vídeos online e oferecer treinamento sobre ferramentas de analytics e plataformas de marketing.

Até aí tudo certo, continue assim. Mas existem 3 deficiências nas quais você precisa prestar atenção:

• Falta de credibilidade: construir uma narrativa baseada em dados é uma arte difícil de entender e executar. Sua equipe pode hesitar até mesmo em tentar começar. Mas se a tecnologia disponível der início ao processo e, com isso, você conseguir extrair insights automaticamente, já estará na metade do caminho para um bom resultado.

• Falta de confiança: “Por que eu deveria me meter nisso?”. Esta é a eterna e mais humana das questões. Deixe claro para o seu time que ele terá seu apoio e encoraje as pessoas a registrar o caminho que as levou a uma determinada decisão ou hipótese. Acertando ou não, esse registro será uma ferramenta de aprendizado valiosa para a próxima etapa.

• Falta de tempo: tirar o máximo dos dados é um compromisso que demanda tempo e sabemos bem que encontrar tempo livre no mundo dos negócios é um problema. Mas não esqueça: quem não dedica nem um minuto à pesquisa e análise dos dados sempre acaba perdendo informações valiosas.

Em um mundo no qual o comportamento dos consumidores pode mudar a qualquer momento, uma estratégia de dados integrada permite aos anunciantes construir uma base sólida para atuar durante os altos e baixos do mercado.

Uma vez que seus dados estejam organizados, você pode facilmente ter novos insights sobre a sua audiência e ajustar o seu plano de ação para continuar a atender às expectativas dos consumidores.

Venha conversar com a gente aqui na Pivô e conhecer outras boas práticas e dicas sobre como desenvolver uma estratégia de análise de dados integrada.


Fonte: Think With Google

Siga a Pivô nas Redes Sociaisfacebook.com/pivobrands | instagram.com/pivobrands | pinterest.com/pivobrands

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *